Como ler artigos acadêmicos: um guia para leigos

artigos acadêmicos

Este passo a passo e dicas serão úteis para qualquer pessoa interessada em descobertas científicas. Pensando nisso, criamos um guia útil para não-cientistas (ou leigos) sobre como ler artigos acadêmicos.

Portanto, esse guia é para você que precisa ler artigos acadêmicos com a finalidade de obter uma compreensão básica e formar uma opinião sobre ele. Quem nunca tentou ler artigos científicos antes e foi frustrado pela escrita densa, cheia de jargões desconhecidos, não é?

Através deste guia, você pode aproximar a leitura e a compreensão de um papel da pesquisa científica.

Por que ler artigos acadêmicos?

artigos acadêmicos

Será que seu professor apenas quer arruinar sua vida ou… Existe uma boa razão para a leitura de um artigo?

Artigos acadêmicos são uma grande fonte de informação, pois eles são atualizados. Se você já escreveu e publicou um artigo, com certeza buscou dados em fontes recentes. Mas se você nunca escreveu um artigo é interessante saber como fazer artigos científicos!

Livros podem ficar anos desatualizados depois de publicados. Já os artigos acadêmicos mostram a você o que está acontecendo AGORA… ou ao menos o que aconteceu mais recentemente do que mostra nos livros.

Os artigos acadêmicos também fornecem dados reais. Se você precisa saber resultados exatos ou propriedades para sua própria pesquisa … artigos incluem dados reais, incertezas, condições da experiência, e muito mais.

Outra razão: você pode avaliar as conclusões. Você acredita nisso ou não? Os artigos fornecem a explicação dos autores de seus resultados e conclusões. Você pode ver suas suposições e determinar se você acredita ou não.

Passo-a-passo para a leitura de artigos acadêmicos

Ler e compreender os artigos acadêmicos é uma habilidade desenvolvida por doutores e cientistas ao longo de suas carreiras. Você pode aprender também, mas como qualquer habilidade exige paciência e prática!

1. Comece lendo a introdução, não o resumo.

O resumo é o longo parágrafo no começo do artigo. Na verdade, essa é a página dos artigos acadêmicos que a maioria dos “leigos” do meio científico lêem quando estão tentando construir um argumento científico (essa prática é terrível – não faça!).

Decida o que é relevante para os seus interesses baseando-se numa combinação do título e do resumo. Mas, para realizar uma leitura profunda/detalhada de artigos científicos, a dica é ler o resumo POR ÚLTIMO.

Isso porque, os resumos são muito sucintos. A leitura dele primeiro pode influenciar você a tornar-se tendencioso pela interpretação dos autores quanto aos resultados.

2. Em seguida, pule para a conclusão.

Isso mesmo, a conclusão! Ela resume os resultados importantes. Essa é a hora de identificar a QUESTÃO CENTRAL. Isso não é sobre “O que é esse artigo”, mas sim “qual problema essa pesquisa inteira tenta resolver?”

Também dá razões para as conclusões com base nos resultados. Você pode querer se perguntar:

  • Concordo com a lógica das conclusões? Esses resultados são úteis para mim?
  • O que os autores acham que os resultados significam? Você concorda com eles?
  • Você pode imaginar uma maneira alternativa de interpretá-los?
  • Os autores identificam quaisquer fraquezas em seu próprio estudo?

Isso irá te ajudar a focar no por quê dessa pesquisa ter sido feita.

3. Dê uma olhada na introdução.

Esta seção explica a motivação e importância da pesquisa. Ele também fornece informações básicas sobre a pesquisa.

Identifique as QUESTÕES ESPECÍFICAS. O que exatamente os autores estão tentando responder com suas pesquisas.

Talvez existam diversas questões ou apenas algumas que norteiam o artigo. Anote-as.

Você pode querer se perguntar:

  • Que trabalho foi feito antes neste campo para responder à pergunta central?
  • Quais são as limitações desse trabalho?
  • O que, de acordo com os autores, precisa ser feito em seguida?

4. Identifique a abordagem.

Como os autores vão fazer para responder à(s) questões(s) específica(s)?

Leia a seção “Métodos”. Desenhe um diagrama para cara experimento, mostrando exatamente o que os autores fizeram.

Inclua o máximo de detalhes que precisar para entender completamente a metodologia utilizada.

Você não precisa entender os métodos em detalhes suficientes! Mas para estar pronto para passar para os resultados, você deve estar apto a explicar os conceitos básicos dos métodos para outra pessoa.

5. Revise os resultados.

Esta seção fornece os dados brutos que você pode precisar para sua própria pesquisa. Os resultados geralmente incluem figuras e tabelas para fornecer os dados em um formato compacto para fácil visualização.

Você pode querer se perguntar: eu entendo o que os números significam? Eu entendo as unidades que estão sendo usadas? Os números e as tabelas fazem sentido e comunicam bem os dados?

Atenção também para o tamanho da amostra de pesquisa. O estudo foi realizado em 10, ou 10.000 pessoas? (Para alguns propósitos de pesquisa, um tamanho de amostra de 10 é suficiente, mas para a maioria dos estudos maior é melhor).

6. Refletir se os resultados respondem às perguntas específicas

Não vá até o próximo passo até que você tenha pensado sobre isso.

Não há problema em mudar de ideia ao compreender interpretação dos autores. Na verdade, provavelmente, se você ainda for um iniciante nesse tipo de análise, isso é bem comum.

Mas é um bom hábito começar a formar suas próprias interpretações antes de ler as de outros.

7. Agora, volte para o início e leia o resumo.

Corresponde ao que os autores disseram no artigo? Corresponde à sua interpretação do artigo?

8. Por último, mas não menos importante, procure saber o que outros pesquisadores dizem sobre esse artigo

Quem são os especialistas (reconhecidos ou autoproclamados) neste campo particular? Será que eles têm críticas do estudo que você não tenha pensado, ou eles geralmente apoiá-lo?

Aqui está um lugar onde eu recomendo que você use o Google! Então você está melhor preparado para pensar criticamente sobre o que as outras pessoas dizem.

E as referências bibliográficas?

Esta etapa pode ser opcional para você, dependendo de porque você está lendo um determinado artigo. Mas, muitas vezes, é fundamental!

Leia a sessão de referências bibliográficas para ver o que outros artigos os autores citados. Isso me permite identificar melhor os documentos importantes em um campo específico, e encontrar fontes de idéias ou técnicas úteis.

Para não esquecer: 8 dicas fundamentais para entender um artigo

1. Antes de ler, você precisa do equipamento certo

  • Um dicionário científico – para procurar termos que você não conhece.
  • Seu notebook prático – para fazer anotações para que você se lembre de suas idéias.
  • Seus amigos e colegas – para explicar o que você leu. Isso o ajudará a compreender o paper.

2. Leia fora de ordem!

Em vez disso, leia as seções de um artigo na ordem que torna mais rápida, e a compreensão mais eficiente, do que ler o papel diretamente.

3. Entenda o processo

Saiba que ler artigos acadêmicos se trata de um processo completamente diferente do que ler um artigo sobre ciência dentro de um blog.

4. Forme uma opinião

Para formar uma opinião verdadeiramente educada em um assunto científico, você precisa se familiarizar com a pesquisa atual nesse campo.

5. Seja paciente

Ler um único artigo pode levar muito tempo no início. Seja paciente consigo mesmo.

6. Tome notas

Você também tem que tomar notas, ler mais de uma vez (se possível, várias vezes) e provavelmente ir procurar outros artigos acadêmicos para entender alguns dos detalhes.

7. Entenda as seções

É importante saber quais são as seções de artigos científicos: Resumo, Introdução, Métodos, Resultados, Conclusões / Interpretações / Discussão, Referências bibliográficas.

8. Entenda a autoridade

Tome nota dos autores e suas afiliações institucionais e também da revista em que o artigo é publicado (cuidado com revistas questionáveis.)

E aí? Já se sente pronto para ler e entender um artigo? Deixe sua opinião sobre nosso guia nos comentários!

 

Comentários

comments

RECEBA Nossas Novidades

Comments